Pessoas: o componente menos seguro na rede

Matthias Klaer
Diretor de risco, conformidade e segurança da informação corporativa
Hitachi Vantara

O mundo está repleto de dados, e grandes e pequenas empresas estão ganhando fortunas com eles. Segredos comerciais? Informações sobre clientes? Relatórios regulatórios? Tudo isso depende de dados abundantes, disponíveis e seguros. Se você perde seus dados, corre o risco de também perder sua empresa. No entanto, qualquer especialista em segurança (ou hacker) dirá que a maneira mais fácil de proteger os dados é por meio das pessoas às quais os confiamos. Na verdade, um quarto das violações de dados são causadas por negligência humana.

Conheça Matthias Klaer, diretor de risco e conformidade na Hitachi Vantara. "Conscientização é essencial. As pessoas são, muitas vezes, a primeira e a última linha de defesa. Cada funcionário pode ser visto como uma fonte de violação de dados", afirma Matthias. Para ajudar a diminuir esse risco, Matthias realizou o CSAM (Cyber Security Awareness Month - Mês da Conscientização sobre Cibersegurança) em outubro. A campanha coincidiu com o Mês nacional de conscientização sobre cibersegurança, que foi promovido por outra organização tão consciente da importância da segurança quanto a Hitachi Vantara: o Departamento de segurança interna dos EUA.

Matthias Klaer
Os dados são a moeda corrente no cenário digital de hoje em dia. Seu valor é muito alto, e precisamos fazer um trabalho impecável para protegê-los.

O objetivo de Matthias para o CSAM era educar funcionários, bem como criar, atualizar e manter a conscientização sobre as políticas e a segurança da informação existentes. Naturalmente, todo mundo sabe que a segurança dos dados é importante. No entanto, muitos funcionários não conhecem os riscos que surgem com as novas maneiras como usamos os dados hoje em dia. Matthias exemplifica com os serviços de nuvem: "Os usuários costumam pensar que o provedor de serviços de nuvem é o único responsável por proteger os dados quando, na verdade, o usuário tem uma grande parcela de responsabilidade. Sem essas campanhas de conscientização, essa responsabilidade não seria compreendida."

Como o ambiente digital de hoje em dia transforma a maneira como usamos os dados e as informações, a educação e a conscientização dos funcionários sobre a segurança dos dados também deve evoluir. "Precisamos aprender novos truques e fazer tudo de um jeito diferente. Os dados são a moeda corrente no cenário digital de hoje em dia. Seu valor é muito alto, e precisamos fazer um trabalho impecável para protegê-los. Somente se conseguirmos proteger essa moeda, poderemos incutir confiança em nossos produtos e serviços", afirma Matthias.

Mesmo sendo um fator importante, criar e manter o envolvimento dos funcionários é um grande desafio que Matthias está decidido a superar. Em seu primeiro ano na Hitachi Vantara, o CSAM usou palestras como a base para a educação. Nessa terceira vez, Matthias experimentou várias maneiras de comunicação e ensino. Ele criou campanhas por email, escreveu posts na Intranet, produziu vídeos, criou quizzes, planejou jogos e até mesmo descobriu robôs programáveis para oferecer como prêmio pela participação. Ele também simplificou o acesso aos requisitos. "As políticas já estavam lá antes, isso não é novidade, mas o formato é relativamente novo. Pela primeira vez, mudamos para um formato online, mais acessível ao usuário", explica.

Ao monitorar os resultados de seus vários métodos e o envolvimento dos funcionários, Matthias descobriu que a participação mais que dobrou em comparação com a campanha do ano anterior. No entanto, como defensor da segurança total dos dados, Matthias acredita que isso ainda não é suficiente. Ele está comprometido a melhorar de todas as formas possíveis. "Isso não é o suficiente, mas ajudará. Minha ambição é ver uma participação ainda maior na empresa. Talvez seja necessário testar novas maneiras de ensinar. Temos uma grande curva de aprendizado aqui", comenta ele sobre a CSAM.

Assim como a Hitachi Vantara ajuda os clientes a evoluir em um mundo orientado por dados, Matthias está ajudando seus colegas a ficarem atualizados com as novas demandas de segurança de dados para proteger as informações responsáveis pelo sucesso da empresa. Esse é, naturalmente, um processo de aprendizado para todos. Entretanto, Matthias parece ser um pouco mais impaciente e ambicioso que a maioria, por isso, é bom que ele esteja cuidando da segurança da informação.

Você está no lugar certo!

Hitachi Data Systems, Pentaho e Hitachi Insight Group agora são uma só empresa: Hitachi Vantara.

Obtenha mais soluções e inovações em dados de um parceiro que você pode confiar.